20 maio 2016

Enxoval | Trocador e capa de trocador (changing pad e changing pad cover)

Por Fabiana Bellentani

Já que a semana passada falei sobre berços, me inspirei a comentar sobre trocador, que, se for acertado na hora da compra, poderá ser usado por bastante tempo.

Para terem uma ideia, a Carol já está com 2 anos e 4 meses e nós ainda conseguimos troca-la na mesma peça, que fica sobre a cômoda do quarto. Daqui a pouco ela já não usará mais fraldas (já estamos no processo de desfralde), mas ainda assim é prático para vestir uma roupa, colocar um sapato, ou até pentear seu cabelinho, sem que precisemos nos agachar.

20160515_Trocador e capa de trocador_01

Quantos modelos de trocadores existem no mercado?

Basicamente existem dois tipos: o padrão, que, na verdade, é um colchãozinho encapado; e o anatômico, que é em formato de canaleta.

A diferença é que o anatômico é mais seguro para a criança, pois o bebê fica “encaixado” no centro da peça, sem risco de virar e cair. O formato em canaleta cria uma espécie de barreira que limita a movimentação lateral do bebê. Normalmente, na parte central, o trocador anatômico possui uma espessura de 3,5cm e nas laterais, de 7cm.

Quais medidas deve ter o trocador?

Para conforto dos adultos e proteção do bebê, o indicado é que o trocador tenha 70cm de comprimento e em torno de 40cm de largura. Dessa forma, conseguimos manter a criança acomodada de frente, facilitando as manobras de higiene.

Como posicionar o trocador na cômoda?

O ideal é que ele fique verticalmente para quem está trocando, mas isso exigiria uma cômoda com 70cm de profundidade, o que é praticamente impossível. Diante disso, temos duas opções:

  • Considerando que normalmente as cômodas infantis medem 110cm de largura e em torno de 50cm de profundidade, a primeira opção, mais prática e acessível financeiramente, é usar o trocador seguindo o formato do móvel. Neste caso, durante as trocas, ao invés do adulto se posicionar na parte da frente da cômoda, ele fica na lateral, priorizando o contato frontal com a criança.
  • Outra opção é utilizar extensores de cômodas ou de trocadores. Os extensores de cômoda são um novo tampo, que entra no lugar do original da cômoda, oferecendo uma profundidade de 75cm, compatível com o tamanho do trocador. Para quem olha o móvel de lado, haverá um vão no fundo da peça, correspondente a diferença de 25cm. Os extensores de trocador são uma estrutura em madeira encaixada à cômoda, com um avanço para a parte frontal do móvel, permitindo suporte completo aos 70cm do acolchoado. Nos dois casos, no entanto, os extensores devem ser do mesmo fabricante da cômoda (para que haja compatibilidade de montagem) ou devem ser peças sob encomenda.

20160515_Trocador e capa de trocador_02

Para a Carolina, compramos um modelo anatômico e utilizamos um extensor de trocador que funciona super bem. Eu fui bebem chata na compra deste item, pois fazia questão de estar de frente para ela nas trocas, para facilitar todo o procedimento. O extensor não foi barato, mas valeu cada centavo, pois uso muito!

E se não houver espaço no quarto para tudo isso?

Se não houver espaço, invista na bandeirinha! Vários modelos de banheira possuem tampos acolchoados que, quando fechados, são trocadores perfeitos para o bebê, já na medida de 70cm de comprimento.

Vale a pena comprar o trocador no exterior?

Vejam, o trocador anatômico é o modelo mais comercializado nos Estados Unidos, sendo facilmente encontrado nas lojas de produtos para bebês e crianças por lá. Aqui no Brasil, é um pouco mais difícil de ser achado, mas nada impossível. Com internet, atualmente, resolvemos tudo!

Na época em que fizemos o enxoval da Carolina, pela facilidade de se encontrar o produto e pelo preço, valia, sim, muito a pena trazer este item do enxoval do exterior. Na ocasião, cheguei a indicar para duas amigas grávidas (como itens que elas “tinhas que trazer”) e ambas não se arrependem: compraram o trocador nos Estados Unidos e acham ótimo! Hoje, no entanto, por preço e qualidade, já não acho mais vantagem. O produto nacional é bastante equivalente ao do exterior.

E a capa do trocador?

Lembro que minha primeira dúvida quando vi esse item da lista do enxoval foi: “será que precisa?”. Sim, precisa, porque procuramos oferecer o máximo de conforto ao bebê e, por isso, é importante que sua pele esteja em contato com algo que não seja frio, nem que possa causar-lhe qualquer tipo de incômodo ou alergia. Por isso, ter uma proteção em tecido macio e antialérgico é essencial. Neste caso, no entanto, procure sempre por capas que sejam do mesmo fabricante do trocador ou que sejam indicadas pelo fabricante, para compatibilidade de tamanhos.

Muita gente utiliza os cueiros como protetores, o que é também perfeitamente possível. Lembrem-se, apenas, que, tanto num, como noutro caso, é necessário ter várias peças, pois as trocas são bastante frequentes.

Existe alguma alternativa mais prática para as capas?

Sim, existe! O lençol absorvente descartável. É o que uso desde sempre no trocador da Carolina e que, por um tempo, usava na bolsa de passeio também.

Esses lençóis são uns retângulos de fralda, parecidos com aqueles tapetinhos higiênicos para animais domésticos fazerem xixi , sabe quais são? rs! Só que, claro, os para uso com crianças (e adultos) são produtos farmacêuticos, vendidos em lojas especializadas.

O trocador da Carolina possui uma capa em tecido macio e antialérgico (que eu lavo de vez em quando) e, sobre ela, uso o lençol absorvente descartável, enrolado ao acolchoado anatômico. É um material que não fica frio, é antialérgico, garante absorção no caso de um xixi ou cocô inesperado, e, se sujar, é só tirar, jogar fora e colocar outro no lugar. Perfeito!

E, detalhe: o fornecedor de quem eu compro, entrega em casa!

2 comentários em Enxoval | Trocador e capa de trocador (changing pad e changing pad cover)

  1. Milena em 17 jul 2016

    Onde consegue comprar o protetor descartável? 
    Obrigada!!

    • Fabiana Bellentani
      Fabiana Bellentani em 19 jul 2016

      Oi, Milena, tudo bem?
      A empresa chama Alô Fraldas. Eles funcionam em São Paulo, vendem por telefone e entregam em casa. O contato é (11) 2369.4921 ou 2389.6370.
      Esses protetores você também encontra em algumas farmácias e em lojas especializadas em produtos ortopédicos e para reabilitação de pacientes.
      Se tiver dificuldade em encontrar, me avise que eu tento te ajudar!
      Beijos!

Deixe um comentário